Destaques, Saúde Comentários (0) |

Não leve por trás: situações divertidas durante um exame de próstata

Sim, o exame de próstata é um baita tabu. Infelizmente tem muito cara metido a machão por aí que não o faz porque fica com um medo bobo de ferir o ego. Mas esse momento essencial da saúde masculina, apesar da seriedade e da necessidade, também tem seus momentos engraçados.

Hoje você vai ver o lado divertido do exame de próstata aqui conosco, além de se informar mais sobre esse exame tão importante.

O tabu do exame de próstata

Antes de qualquer outra coisa, ir ao médico e fazer uma consulta de rotina não faz de ninguém menos homem. Isso é algo que precisa ficar bem claro sempre. O câncer de próstata é um perigo real e mata muitos homens por aí, por isso toda prevenção é essencial. 

Não vale deixar as piadas de mau gosto ou os comentários de certas pessoas atrapalharem o seu bem estar jamais. Por outro lado, existem causos e situações bem engraçadas por aí que acontecem em check-ups médicos. Ainda mais quando se trata de um exame com tanto tabu.

Causos de exame de próstata

Três homens corajosos resolveram contar suas divertidas histórias durante seus exames de próstata no reddit. Saca só!

1 – Prefiro você!

Tradução livre:

Precisei de um exame físico completo, então fui para a primeira consulta disponível. Fui atendido por uma jovem doutora em vez do velho cara que tem sido o meu médico nos últimos 25 anos. Lá pelo fim do exame, ela me avisa que só falta o exame de próstata e pergunta se eu me sentiria mais confortável se eu tivesse o meu médico (i.e. homem) de sempre para fazer essa parte do exame. Olhei diretamente para ela e com toda a seriedade disse: “Você tá brincando? O dedos dele são enormes!”.

Nunca vi um doutor rindo tanto!

Original: Reddit

2 – Quem nunca?

Fui ao meu exame de próstata hoje e ejaculei enquanto minha médica o estava realizando. Ela disse que não é incomum, mas ainda assim foi tão embaraçoso.

Original: Reddit

3 – Não deu pra segurar

Tradução livre:

Lá estava eu deitado ainda ardendo de vergonha quando, de repente, senti como se a doutora socasse uma tora de lenha nas minhas partes baixas. “Pego por trás de surpresa” seria provavelmente a forma mais educada de descrever a minha reação, mas ela persistiu remexendo por lá como se fosse o Papai Noel procurando em sua gruta por um presente e eu juro que em algum momento ela talvez tenha enfiado até o cotovelo. Como se isso não fosse o suficiente, a carne moída e a torta de queijo no meu metabolismo superativo voltaram para me assombrar. *Soltei um peido forte e alto* e, meu caralho, cheirava como se tivesse vindo da camada mais baixa da própria traseira de Satã. Posso dizer confortavelmente que a vergonha de se sentir excitado sexualmente durante uma exame testicular ou de hérnia é quase insignificante em comparação a peidar na cara da sua médica. Nem preciso dizer que não voltei na doutora por um ano e meio.

Original: Reddit

Memes com exame de próstata

Além de situações embaraçosas, o exame de próstata também rende bons memes. Apesar de tudo, claro que dá pra dar uma brincada com esse momento que causa tanto medo em certos homens por aí.

Problema do descendente de italiano

Pra mandar pro seu amigo que fez 50 anos

Escute o conselho do Naruto!

Melhor não esperar até novembro, hein?

Sempre pode ser pior

A importância do exame de próstata

Apesar de toda a graça e toda a brincadeira que ele rende, não dá pra minimizar nem um pouco a importância do exame de toque. O câncer de próstata é uma das doenças masculinas mais letais de todas principalmente porque tem muita gente que fica com medo de se prevenir.

Então sempre que o médico recomendar, agende o seu exame. (E lembre-se dos causos engraçados porque com certeza não vai ser pior do que isso para você).

Gostou de ver essas histórias divertidas sobre o exame de próstata? Aprendeu um pouco mais sobre esse exame tão importante? Então confira com a gente mais artigos sobre sexo no Hora do Homem e aproveite para contar nos comentários o causo mais engraçado que você já ouviu.

Ver mais

Destaques, Relacionamento Comentários (0) |

Por que ela está evitando sexo comigo? Entenda

Não tem jeito mesmo, o sexo é um dos fatores mais importantes para a grande maioria dos relacionamentos funcionar bem. As duas partes precisam estar sintonizadas para entrar em uma frequência e em um ritmo sexual que agrade a todos. Por isso que ver a parceira evitando sexo causa tantas dúvidas e questionamentos.

Afinal, se alguém dá todos os sinais de que não quer mais transar, a chance da outra pessoa ficar insatisfeita é grande. Veja no artigo de hoje como o fato de evitar sexo afeta a relação, qual é a causa disso acontecer e como solucionar essa questão.

“Ela está evitando transar comigo”

Muitos homens já passaram pela situação de ver impulso sexual da parceira cair drasticamente. Se no início da relação, o sexo era quase diário, depois de algum tempo é difícil até de fazer uma ou duas vezes por mês.

Ela pode estar mesmo evitando fazer sexo e dá para entender o quanto isso causa de frustração. Mas não basta apenas ficar chateado e não fazer nada por isso. O melhor é entender as raízes do problema e buscar soluções que agradem a todas as partes.

Quanto mais sexo melhor

Ao menos é o que diversas pesquisas indicam. Pessoas que fazem mais sexo costumam ter uma autoestima maior, mais satisfação com o que está ao redor e mais qualidade de vida.

Por outro lado, uma frequência baixa de sexo pode estar ligada a estresse psicológico, ansiedade, depressão e problemas no relacionamento. Mas isso não acontece sem motivo, na maioria das vezes há uma causa para a parceira começar a evitar o sexo.

Problemas médicos

Mais de 40% das mulheres já evitaram fazer sexo em algum ponto das suas vidas como é mostrado pelo estudo do NCBI. Mas tudo isso tem causas. As duas maiores delas são por conta de dores durante o sexo ou falta de libido.

Além disso, existe uma série de dores crônicas que diminuem o prazer do ato sexual e interfere diretamente ao limitar posições. Condições metabólicas, como diabetes e obesidade, também contribuem na redução da atividade sexual.

Depressão e estresse também são fatores clínicos que entram no caminho do desejo sexual. Ou seja, existem muitas possibilidades de fatores de saúde estarem no caminho do bem-estar sexual.

Fatores emocionais e sociais

Além disso, questões emocionais ou dificuldades sociais também contribuem para que a parceira comece a evitar fazer sexo. Em estudos, os sentimentos de solidão ou de vergonha do próprio corpo são apontados como motivos para a recusa do sexo.

Qual é a solução

Antes de qualquer outra coisa, é importante mudar a forma de ver isso. Não basta só deixar a parceira se resolver e enfrentar seus problemas sozinha. São poucos os casais que conseguem se comunicar sobre seus problemas sexuais. Porém essa conversa é essencial para conseguir ajudar a parceira.

A ajude a entender o que está impedindo o desejo sexual e a apoie a buscar uma terapia ou um tratamento médico. Pode não ser uma solução rápida, mas certamente é eficaz e aumenta os laços na relação.

Gostou de entender melhor o porquê do impulso sexual dela cair e como solucionar isso? Então continua com a gente para ver mais artigos sobre relacionamento, sexo e sedução no Hora do Homem.

Confira também

Ver mais

Destaques, Fetiches Comentários (0) |

Vem saber as maiores tendências do BDSM com ajuda do PornHub

Saber mais é sempre um baita prazer. Principalmente se esses novos conhecimentos forem sobre algo tão quente quanto BDSM. Hoje vamos, com uma ajudinha especial, revelar os desejos mais secretos das pessoas quando o assunto é o fetiche mais pop de todos.

Descubra com a gente o segredo de milhões de pessoas. Venha desvendar os tipos de pornô mais pesquisados dentro do nicho do BDSM aqui.

Algumas informações interessantes sobre BDSM

O BDSM é um assunto que dá muito o que falar. Só aqui no Hora do Homem, você já teve um manual completo contando tudo sobre o fetiche e, até mesmo, a dica do filme 365 Dias, em que a brincadeira rola com pressão.

Mas hoje vamos descobrir algo diferente sobre esse grupo de práticas sexuais ousadas. Usando os dados que vem diretamente do PornHub Insights, vamos saber quais são os tipos de pornô mais buscados quando o tema é BDSM. Assim, dá para saber exatamente o que as pessoas mais gostam quando se trata de Bondage, Dominação, Sadismo e Masoquismo.

As maiores buscas do assunto

Para começar, que tal sabermos da popularidade em linhas gerais. Dentro da temática, o termo mais procurado de todos no PornHub é BDSM, nisso não há a menor surpresa. Mas o que vem em seguida ajuda a descobrir mais sobre os gostos do público.

Na 2ª colocação e com uma larga vantagem em relação aos seguintes, temos o fetiche do bondage com um alto volume de buscas. 

Em seguida, existe todo um leque de práticas gostosas numa fila que abre a imaginação. “Slave” (escravo), “latex”, “spanking”, “submissive” (submisso/a), “lesbian domination” (dominação lésbica), “domination”, “lesbian bondage” e “blindfold surprise” (surpresa vendada) também aparecem no topo da lista.

Tendências do BDSM

Quando a gente vai para os dados demográficos e descobre algumas tendências do fetiche é que vem algumas surpresas bem interessantes. Uma delas é que as mulheres são 86% mais propensas a pesquisar por BDSM do que os homens, por exemplo.

Quando vamos para os dados de variação de popularidade por idade, temos uma série de informações interessantes. São os mais novinhos e os mais velhos que têm mais interesse em BDSM. Quem tem de 18 a 24 anos ou mais de 55 costuma ter mais interesse na prática. Enquanto isso, a faixa dos 25 aos 54 costuma não buscar tanto assim.

O que as mulheres procuram

Depois de saber que elas estão tão inclinadas a ver pornô de BDSM, fica a curiosidade pelo que as mulheres mais pesquisam dentro do nicho. Fazendo um comparativo de diferença de volume de buscas entre homens e mulheres, aparece outra surpresa bem impressionante.

Comparadas aos homens (héteros e gays incluídos), elas tendem a procurar 163% a mais pelo termo “gay bdsm”. Completando um top 6, temos também “spanked and fingered” (espancado/a e dedado/a), “dominant submissive” (submisso/a dominante), “daddy spank” (palmada do papai), “bdsm gangbang” e “tied up vibrator orgasm” (orgasmo com vibrador amarrada) com mais de 100% de propensão a mais na busca feminina.

Popularidade por país

E como o Brasil tá quando o papo é a popularidade do BDSM por país? Bom, um bocado atrás. Comparado com a média de porcentagem de buscas, o Brasil costuma procurar 30% a menos pelo grupo de fetiches. Ou seja, não é tão popular por aqui, mas ainda assim fica em segundo lugar no ranking de interesse na América Latina, atrás apenas da Argentina.

Os 5 países no mundo que tem o interesse mais acima da média em BDSM são: Hong Kong (+61%), Suíça (+54%), Alemanha (+50%), Áustria (+47%) e Japão (+42%).

Pode falar, você com certeza se amarrou em descobrir ainda mais sobre BDSM, não é mesmo? Então deixe o seu comentário e segue com a gente aqui no Hora do Homem para ver mais artigos sobre fetiche, sexo e putaria.

Leia também

 

Ver mais

Destaques, Saúde Comentários (0) |

Vídeos pornô de roleplay com médica e enfermeira

Brincar de médico é um fetiche internacional. Quem nunca resolveu dar uma estudada na anatomia de uma gostosa na primeira oportunidade que teve? Pois é, literalmente todo mundo já passou por isso (e sabe que é gostoso demais).

Então vou te contar uma paradinha, ao interpretar papéis o que você tanto curte é uma brincadeira de roleplay. Inclusive, tem vários vídeos de putaria desse estilo. Sendo assim, nada melhor que assisti-los, não é mesmo?

Foi por isso que separamos vários vídeos pornô em que médicas e enfermeiras vem para te sensualizar bem nessa pegada do roleplay.

Vídeos de roleplay com médicas e enfermeiras

Assista às melhores profissionais da saúde que vão cuidar bem direitinho de você.

Como é bom chamar a ambulância na Rússia!

Você passa mal e chama um carro de resgate, mas quem vem é uma enfermeira bem gostosa. Primeiro ela mede a sua pressão, depois ela te dá com pressão.

A doutora dos sonhos

Essa médica mascarada  do cabelo rosa pode até não mostrar o rosto, mas te dá todo o resto num roleplay bem danado.

O ASMR da enfermeira safada

A gata veio cuidar de você, mas de um jeitinho diferenciado. Dando instruções detalhadas no seu ouvido e te excitando até ficar curado de tudo que já te afligiu.

A doutora brasileira

O roleplay fica ainda mais delicioso quando você entende exatamente o que a sua médica está falando, não é mesmo?

Enfermeira amadora

Que tal uma MILF loira fantasiada dando aquele mamadão todo babado e cheio de tesão? Rola aqui também.

A cura pro Covid-19

Não dá pra brincar de médico mais sem passar pelo coronavírus (ou pelo fetiche nas mascaradas).

Que saúde dessas médicas e enfermeiras!

Curtiu ver os vídeos pornô de roleplay das gostosas da saúde? Então chega mais e deixa seu comentário sobre as belas doutoras da safadeza que você acabou de ver.

Confira também

Ver mais

Relacionamento Comentários (0) |

Como reconquistar a ex passo a passo

Às vezes, bate aquela saudade da danada. Pois é, muito cara fala que “figurinha repetida não completa álbum”. Por outro lado, um encontro mais a fundo com alguém que você conhece pode ser muito mais confortável. Por isso que tanta gente quer saber como reconquistar a ex.

Claro que não é tarefa tão fácil assim. Inclusive, nem sempre é possível, dependendo de como tudo rolou. Porém o que a gente tem aqui para você é um guia passo a passo do que é necessário fazer para ter outra chance com uma ex-namorada.

Os passos para reconquistar sua ex

Um manual completinho para aumentar as suas chances de reconquistar a gata.

Dar tempo e espaço

Não adianta forçar a barra quando as coisas estiverem recentes demais, isso vai fazer só com que ela se afaste de você. Cada um tem o seu próprio tempo, pode ser 1 mês, 3 meses, 1 ano… 

A ideia é não ignorar, mas não correr atrás. Se ela falar com você, seja educado, mas nada de mandar whatsapp bêbado às 4 horas da manhã ou correr atrás dela na porta do trabalho.

O negócio é esperar tudo dar uma esfriada para que ela esqueça o porquê de ter terminado com você. Ou, pelo menos, o que causou o término perca a relevância.

Trabalhe em você mesmo

Parece coisa de livro de auto-ajuda. E é mesmo. Mas é uma parte importante. Afinal, não dá pra conquistar alguém se você não for uma pessoa interessante. Arrume a sua própria casa antes de pensar em receber alguém.

Pense no que deu errado

As relações chegam ao fim por um motivo. Antes de seguir em frente, é bom repensar porque não deu certo entre vocês. De maneira totalmente honesta, é claro, e buscando soluções. Revendo o passado, a chance de cometer os mesmos erros é menor no futuro.

Reconecte-se com ela

Depois de dar o tempo e o espaço necessário e saber que você quer reconquistá-la, chegou a hora do ação. Tudo pode começar com uma mensagem descontraída ou um encontro meio que por acaso.

Mostre que está bem e chegando longe, afinal você não quer parecer desesperado ou grudento. Nesse início, tenha conversas breves e maduras.

Marque um encontro casual

Vocês já voltaram a se falar há algum tempo e rola uma amizade, está na hora de avançar mais um espaço. Marque com ela de se encontrar em algum lugar qualquer dia desses para matar a saudade e saber como estão as coisas.

Sem pressão para uma ficada ou uma transa, o negócio aqui ainda é muito recente. Nem tente inventar um clima para romance em um jantar chique também. E, principalmente, nada de “precisamos conversar” para marcar esse encontro.

Conquistando como se fosse a primeira vez

Quando estiver conversando ou se encontrando com a sua ex, tente manter a ideia de que você está chegando nela pela primeira vez. Então tente conhecê-la melhor, perguntar o que ela gosta e tudo mais. 

Nada de chegar em papos profundos e pesados para evitar sustos também. Tente manter o clima leve e sem muitas pretensões.

Saia novamente

Depois de se ver e ter um papo bacana e sem pressão, certamente ela vai querer sair de novo com você. Passando a ansiedade do primeiro encontro, tudo vai rolar de uma forma muito mais natural.

Se você quer reconquistar a sua ex de verdade, não pode ter pressa. Caso veja necessidade, marque mais alguns encontros. Sempre se divertindo e dando a ela diversão também.

Chegou a hora de demonstrar interesse

Depois de se reconectarem e formar algo novo, chegou o momento do xeque-mate. Sentiu que ela deu abertura e está pronta para te dar outra chance, então é o momento de demonstrar interesse.

Comente que está a fim dela e que queria ter algo mais novamente. Deixe claro que você pensou no que deu errado, está disposto a se desculpar e fazer diferente.

Costuma dar mais certo do que muita gente imaginaria.

Gostou de ver o guia passo a passo de reconquista da ex-namorada? Então segue com a gente aqui no Hora do Homem para ver mais textos sobre relacionamento, sexo e estilo de vida masculino.

Confira também

Ver mais

Fetiches, Sexo Comentários (0) |

BDSM: saiba tudo sobre o mais famoso fetiche de todos

O BDSM nas suas mais diversas vertentes está sempre em alta e, provavelmente, é um dos fetiches mais representados na cultura. Desde o clássico livro 120 dias de Sodoma do século XVIII até o atual softporn polonês da Netflix 365 Dias, passando obviamente por 50 Tons de Cinza, uma das formas dessa brincadeira intensa vive aparecendo em pauta.

Mas ainda assim muita gente ainda não sabe exatamente o que é o BDSM. Então vem com a gente para entender exatamente o que significa a sigla e conhecer as principais práticas do fetiche.

O que é BDSM

BDSM é uma sigla para Bondage, Dominação, Sadismo e Masoquismo. No fim das contas, é todo um conjunto de práticas eróticas consensuais que envolvem desde amarrações e disciplina até submissão, com toques de sadomasoquismo também.

Pois é, o BDSM engloba um leque bem grande de fetiches que podem ser praticados de maneira paralela. Nessas práticas, existe a possibilidade ou não de envolver atos sexuais, mas a busca é sempre pelo prazer. 

Bom, para entender de uma vez por todas como funciona, o melhor é ir a cada uma das iniciais da sigla.

Bondage

No B temos a questão do bondage e da disciplina. A ideia é utilizar amarrações, cordas, algemas e correntes para utilizar a restrição física como forma de alcançar o prazer. 

A parte da disciplina também se envolve com o bondage pois, a partir dela, o indivíduo é restringido psicologicamente com regras e punições com o mesmo intuito de tesão e erotismo.

Dominação

No D temos aí a dominação e a submissão. Dois fetiches diferentes, eles são complementares e um precisa do outro para alcançar o prazer. 

A partir de costumes e rituais, a pessoa dominadora comanda sua submissa dentro de um contexto erótico das formas mais variadas possíveis e o próprio ato de comandar/obedecer é fonte de tesão para ambos.

Sadismo

O sadismo é o ato de sentir prazer em provocar dores em outros seres vivos. Nem sempre a dor precisa ser física, podendo ser também causada de maneira psicológica a partir de punições ou restrições.

No BDSM, o sadismo é aceito apenas de forma consensual junto a outra pessoa que se proponha a praticar o masoquismo em contrapartida.

Masoquismo

É a tendência oposta do sadismo. Se há alguém que gosta de provocar dor, há quem também goste de sentir a dor. Dentro de todo esse cenário consensual, o masoquista é quem gosta de receber os castigos, as punições e as humilhações do sádico.

Engloba de tudo um pouco

Como você pode ver, muitos dos fetiches do BDSM são bastante complementares. Para atingir um, geralmente você precisa do outro. Seria muito difícil um sádico ser submisso, por exemplo. Enquanto isso, uma boa forma de atingir o prazer de um masoquista sem causar danos físicos é a partir da disciplina no bondage.

BDSM e muito mais fetiche no Hora do Homem

Para saber mais sobre sexo, fetiche e putaria dos mais variados estilos, segue aqui com a gente! E não esquece de deixar seu comentário, hein?

Confira também

Ver mais