É amante dos mares ou curte navegar apenas por hobbie? Não importa, se você está cogitando comprar um barco deve saber que esse é um investimento muito grande para se fazer e, por isso, envolve diversas questões além da alta quantidade de dinheiro. Junto com essas questões vem as dúvidas sobre modelos, habilitação, finalidade e muito mais, e é por este motivo que preparamos um artigo completo para te ajudar a fazer essa decisão sem se arrepender depois!

Qual a finalidade da compra?

Vamos começar do início, você precisa estar consciente do motivo pelo qual está comprando um barco, isso vai ajudar na decisão do modelo escolhido. Seja para momentos em família, locomoção, diversão com os amigos, para negócios, pesca esportiva ou profissional ou dar uma volta ao mundo pelo mar. Cada motivo te leva a um modelo de barco e um novo plano de gastos e uso, ou seja, esse passo é essencial.

Como escolher o modelo ideal?

Essa parte é a mais esperada por todos os marinheiros ou futuro navegantes, a escolha do seu primeiro barco, mas é importante responder algumas perguntas que vão te ajudar a escolher o modelo ideal para o seu bolso e para o seu propósito. Então, vamos lá!

O seu barco vai ser a vela ou a motor? Você pretende navegar em águas abrigadas ou em mar aberto? Esse barco será para relaxar com os amigos e a família, pescar ou apenas locomoção? Você vai navegar em águas doces, no mar ou pretende utilizar em ambos?

Respondidas essas perguntas você pode começar a pensar no modelo do seu primeiro barco e mandar ver na compra!

Lancha Cambinada

Lancha Cabinada

Reprodução: Internet

A lancha cabinada varia entre 26 a 40 pés, tem o motor no centro e é ótima para viajar, pernoitar e cozinhar. Esse modelos possuem sofás, camas e banheiros, ou seja, é um modelo muito confortável.

Offshore

Offshore

Reprodução: Internet

Esse barco é considerado mais esportivo e é ideal para quem curte adrenalidade e uma velocidade bem alta. Assentos confortáveis e seguros são um diferencial nesse modelo, além disso eles podem fazer grandes distâncias em tempos bem curtos.

Proa aberta

Proa aberta

Reprodução: Internet

Esse modelo traz um espaço externo maior, mas sem perder o conforto. É uma ótima pedida para curtir com os amigos e família. A lancha de proa aberta é muito popular, ela tem de 16 a 28 pés e você pode ampliar a potência do motor caso queira utilizá-la para praticar esportes aquáticos.

Jet Boat

Jet Boat

Reprodução: Internet

Esse modelo é perfeito para quem curte uma aventura, ele tem capacidade de pessoas bem grande e isso pode ajudar na diversão com os amigos! O Jet Boat não possui leme, a direção é fornecida pelo hidrojato, eles são fáceis de pitotar e ótimos para fazer manobras. Se você procura emoção, esse modelo é uma ótima pedida.

Iate

Iate

Reprodução: Internet

Esse modelo é o sonho de qualquer amante das águas! Se você gosta de conforto, o iate é  para você. Ele tem em média 40 pés e é perfeito para longos passeios e, até mesmo, moradia. Ele possui dois motores, movidos a diesel e, em alguns casos, gasolina. Ele também possui o seu próprio gerador de eletricidade.

Veleiro

Veleiro

Reprodução: Internet

Existem diversos modelos de veleiros, desde os pequenos até os mais extravagantes, que proporcionam um conforto ainda maior. Esse modelo possui em média 30 pés, ou seja, 9 metros e são perfeitos para pernoites e cruzeiros, eles possuem uma ótima estabilidade.

Preciso ter habilitação?

Sim, assim como para pilotar carros, você também vai precisar tirar uma licença para navegar. Essa habilitação é de responsabilidade da Capitanias dos Portos, sob responsabilidade da Marinha do Brasil.  A habilitação mais comum é a Arrais-Amador, com ela você pode conduzir embarcações a vela ou motor para navegar em águas interiores como rios, represas, baías, etc. Os cursos são realizados por escolas náuticas.

Quais vão ser os gastos?

Você que achou que é só comprar o barco e pronto, está enganado. Dentre as despesas estão seguro, local para manter o barco e muitas outras coisas que são extremamente necessárias.

Documentos e seguro – Sim, é exatamente como um carro, você vai precisar de uma licença para poder pilotar o barco, mas também precisará de um seguro em caso de acidentes ou problemas em geral com a embarcação.

Marina – É preciso guardar o barco e algum lugar apropriado e esse local é chamado de Marina, existem também os Clubes de Iate. O valor dessa vaga vai depender do local que ela está localizada e o tamanho do seu barco, afinal, o valor da vaga é medido por pés.

Manutenção – Você precisa fazer uma manutenção mensal do barco para checar se está tudo certo, além disso, é necessário funcionar o motor semanalmente, limpar e verificar reparos pequenos para que ele esteja sempre em ordem. O valor também irá depender do modelo do seu barco e das peças necessárias no momento.

Combustível – Essa parte é muito importante, afinal, não tem como sair do lugar sem ele, né?! Você deve analisar o modelo do seu barco para ver se precisa alimentá-lo com diesel ou gasolina.

Tripulação – Essa é uma opção para quem não deseja pilotar o próprio barco. O marinheiro irá pilotar o barco e, além disso, cuidar dele para esteja limpo, o serviço deles pode ser contratado por dia ou mensalmente e o valor é difícil dizer, ele varia bastante.

E aí, está preparado para comprar um barco e sair curtindo nas águas?

Deixe seu comentário aqui
Gostou? Compartilhe com os seus amigos!Share on Facebook
Facebook
Share on Google+
Google+
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin