A arte da conquista é uma estratégia que nós nunca deixamos de aprender, e quando achamos que somos expert, aparece uma mulher capaz de acabar com nossos aprendizados. A verdade é que a conquista é um longo caminho percorrido até que o beijo aconteça, que pode levar algumas horas ou alguns meses – dependendo da sua força de vontade. Separamos oito dicas para te ajudar a conquistar aquela mina:

1. Começa em você

É um tanto quanto óbvio, mas para convencer uma mulher que você merece a atenção dela, você precisa primeiramente, acreditar nisso. Se você não confia na sua aparência, conversa, personalidade e potencial, é impossível convencer outra pessoa disso.

Na prática: Invista tempo em você, faça exercícios físicos, se vista bem, aumente sua autoestima. A grande chave para a conquista é a confiança!

2. Antes de conversar, ela vai te olhar

Vamos ser sinceros, antes que você sequer consiga jogar uma boa conversa e tentar ganhá-la no bom papo, ela vai te olhar, examinar, avaliar. Sua aparência pode chamar a atenção dela e ser um ponto positivo antes mesmo da conversa começar ou pode acabar com as suas chances. Não estamos falando de beleza, isso é muito pessoal, estamos falando de se vestir bem, higiene, roupas passadas e coisas mínimas para a sobrevivência

Na prática: É retrógrado pensar que porque você é homem não deve se preocupar com moda, tendências e combinações. Se atualize, busque referência, veja dicas. Além disso, esteja sempre bem perfumado, com roupas bem passadas, o corte em dia. As coisas básicas que nós não podemos deixar de lembrar.

homem de terno

3. Provavelmente, você não é o único…

Homens solteiros em busca de mulheres atraentes é o que não falta. Provavelmente você não é o único na festa de olho naquela mulher, ou o único na empresa de olho na funcionária nova ou em qualquer lugar que seja. Você não precisa montar um planejamento estratégico para isso, você precisa de atitude.

Na prática: Chame para conversar, vá em lugares que sabe que ela está – sem deixar ela perceber e parecer um pouco psicopata – e seja intencional. Como muitos dizem, o “não” você já tem. Corra atrás do sim!

4. Aliás, também não é o primeiro

Não seja ingênuo, alguém já chegou antes de você e jogou todas as cantadas básicas possíveis. Seguir a linha do óbvio e previsível pode gerar uma conversa de uns cinco minutos no bar, até que ela finja uma ligação e vá embora, mas jamais uma noite “conhecendo” o seu apartamento. Elas esperam isso de você, inove, surpreenda, arrisque! Não há conquista se você for só mais um.

Na prática: A sexsymbol dos anos 50 disse que “Se você conseguir fazer uma mulher rir, você consegue que ela faça qualquer coisa” e em muitos casos, isso é uma verdade. O bom humor é a tacada certa para uma conquista diferente, mas pegue leve. A linha entre o cara tentando bancar o engraçadão e o realmente engraçado é muito tênue.

5. A jogada de mestre chamada: temos coisas em comum

Não existe nada capaz de gerar uma longa conversa e provavelmente, uma bela conquista, tão bem quanto coisas em comum. Vocês não precisam ser iguais, mas você precisa encontrar um assunto pelo qual os dois tenham conhecimento, interesse e possam discorrer uma conversa interessante. Não entre às cegas, se você conhece ela, já tem nas redes sociais ou qualquer informação, é fácil encontrar um assunto que possam discutir.

Na prática: Descubra algo que ela gosta e dê um jeito de iniciar uma conversa – de um jeito sutil – sobre o assunto. É a melhor forma de começar essa conquista sabendo onde está pisando.

6. Lembrei/Pensei em você

Calma, ainda não é hora de dar um presente ou entregar um buquê de flores na sua casa – não assuste a mulher. Mas se vocês já passaram da fase das primeiras conversas, já estão trocando mensagens, você já a conhece relativamente bem, ou pelo menos, alguns gostos pessoais. Leve isso para a conversa, mostrar que você pensou nela é a melhor forma de conquistar a confiança.

Na prática: Se ela gosta de uma banda ou autor, cite uma música ou trecho de livro e diga que lembrou dela, e siga a mesma regra com filmes, cores, lugares, enfim, qualquer coisa que seja do interesse pessoal dela.

7. Não entre no jogo do desinteresse

 casal unido

Em algum momento inventaram a técnica inútil de que: para conquistar alguém, você precisa se demonstrar desinteressado. Essa regra até pode funcionar, se você tiver lá os seus dezesseis anos. Depois disso, começamos a jogar como adultos, e homens e mulheres não tem paciência para decifrar os sentimentos de ninguém. Se você quer, demonstre!

Na prática: Se a(s) conversa(s) já gerou uma certa intimidade ou abertura dela, não tem porque não tentar demonstrar o que você realmente quer. De um jeito sútil e maduro, comente sobre a sua aparência, conversa ou qualquer coisa que possa demonstrar a ela que você tem sim, interesse em algo mais.

8. Na cara do gol

Se você já seguiu todas as dicas, já demonstrou interesse, ela foi recíproca, é hora de chutar no gol. Não estrague tudo agora, mas não deixe a oportunidade passar. Fale abertamente sobre o seu interesse ou se o momento permitir, porque não tentar um beijo? Em muitos casos, é muito melhor do que falar o que já está na cara.

Na prática: A conquista está feita, enjoy!

Deixe seu comentário aqui
Gostou? Compartilhe com os seus amigos!Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn