Já não é mais notícia que nos últimos anos o mercado vem crescendo e se modificando de forma geral, com várias inovações possíveis graças à tecnologia cada vez mais moderna e acessível. Não foi diferente na indústria automotiva.

São várias novidades, muitas delas desenvolvidas por startups de tecnologia, o que provoca mudanças em segmentos de negócios que já eram dominados, na maioria das vezes por players enormes que já tem marcas estabelecidas.

É nesse contexto que começa a aparecer no cenário que a adaptação dessas marcas é fundamental, e a inovação e capacidade de se modernizar e reinventar será fundamental para a sua sobrevivência no mercado.

As transformações estão quase sempre envolvidas com as novas tendências que surgem no mercado, e isso acontece porque empresas inovadoras seguem alguma tendência ou também porque se criam inovações que passam a ditar algumas novas tendências.

Independente de qual seja o caso, são mais de dez tendências novas que se desenvolveram recentemente na indústria automotiva.

É claro que não são todas elas que podem ser chamadas de comum para todo o seu mercado de atuação, porque algumas são bastante pontuais, ou seja, elas geram impacto em apenas alguns setores específicos da Indústria, enquanto algumas outras poderão ter uma repercussão bem maior.

As novas tendências

Confira algumas dessas novidades que você precisa saber sobre a Indústria Automotiva.

1 – Combustíveis alternativos

A preservação do planeta e o desenvolvimento sustentável chamaram a atenção do mundo, sendo temas muito falados pelos últimos anos.

É natural que ao falar sobre isso os veículos automotivos sejam citados, já que os que usam combustíveis fósseis são um dos principais agentes dos problemas ambientais que a longo prazo impactam severamente a nossa vida.

Se o problema são os combustíveis fósseis, e diminuir o uso de carro não é uma alternativa para algumas pessoas, vem a inovação: substituir o tipo de combustível do veículo.

A partir desse pensamento surgem combustíveis como o etanol, o biodiesel e o gás natural, sendo tendências atuais para o mercado.

2 – Veículos de mobilidade compartilhados

Ainda pensando na questão sustentável, um tema que provocou e segue provocando mudanças e inovações necessárias no mercado, a mobilidade compartilhada surge como uma opção viável e efetiva.

Não se trata de transporte público nesse caso, já que muitas pessoas não consideram essa opção por não ser útil para as suas necessidades, mas sim de carros compartilhados ou caronas.

A ideia é que se aproveite o benefício do veículo ao invés de ter um. Talvez você já tenha ouvido falar em Uber Pool, um serviço que pega mais passageiros que estejam indo para lugares próximos um do outro em uma só corrida, o que gera a economia para cada um deles, além de ser um só carro circulando pelas ruas.

3 – Marcas com menor custo

Uma das tendências em voga é o crescimento de mercados emergentes, especialmente os asiáticos, apesar da crise que o mundo enfrenta atualmente, especialmente o Brasil.

Para se adaptar à essa tendência muitos fabricantes estão produzindo modelos e marcas de um custo menor, a exemplo de muitas marcas chinesas que já trabalham assim a mais tempo.

4 – Automóveis mais leves

Como as marcas estão prezando cada vez mais pela sustentabilidade e por oferecer automóveis de baixo custo, é fundamental que se encontrem maneiras de economizar nos recursos utilizados.

Aliás, no que diz respeito a Indústria Automotiva, um dos recursos que mais precisam da nossa atenção é justamente o combustível, já que é ele que impacta diretamente o meio ambiente, e isso não é interessante para nenhum de nós.

Uma das maneiras mais eficazes de aumentar a economia desse combustível é reduzindo o peso dos automóveis.

Dessa forma se faz necessária uma quantidade de esforço menor para fazer o veículo se mover. Estão surgindo novos metais que produzem peças cada vez mais leves que irão tornar os carros mais eficientes.

5 – Inovações de comércio

A experiência que o consumidor tem em sua compra é um fator cada vez mais importante para a fidelização dele à marca, por isso se almeja a completa satisfação.

Novas formas de comércio tem se desenvolvido para atender esse objetivo e impactar mais o mercado. Vendas mais práticas através de canais digitais, entregas feitas em domicílio e muito mais para facilitar a vida de quem quer adquirir um veículo.

6 – Tecnologia e conectividade

Carros conectados são uma das maiores tendências automotivas. Com tecnologias que identificam objetos e avisam ao motorista do veículo, contatam o serviço de emergência sozinhos no caso de um acidente, auxílio na baliza e oferecem entretenimento digital, o mercado está cada vez mais inovador e competitivo.

7 – Carros autônomos

Veja bem, não se trata dos carros automáticos que já conhecemos, e sim veículos que prometem levar o motorista de um ponto a outro sem que ele precise se preocupar com a direção.

Gigantes do mercado como Uber e Google estão focados em inserir esses modelos no mercado, criando um paradigma completamente novo de transporte.

8 – Fusão de mercados

Com o desenvolvimento da indústria automotiva, em pouco tempo é provável que os automóveis deixem de ser apenas meios de locomoção e passem a se tornar um objeto com muito mais funções atreladas a si.

A autonomia e conectividade de um veículo, por exemplo, não dependem apenas das montadoras de carros. Nesse caso a tendência é que ocorra uma fusão entre empresas e mercados.

9 – Motor

Novamente pensando na questão sustentável a respeito da poluição, é natural que as montadoras comecem a planejar uma inovação para a diminuição e melhora dos motores dos carros, com vários modelos híbridos.

A aposta deve acontecer na convivência e não substituição dos modelos. Daqui há menos de dez anos, a tendência é que um a cada quatro veículos vendidos seja elétrico. Isso faria os veículos tradicionais ocuparem 75% de mercado. Apesar de parecer muito, é uma diminuição e tanto.

10 – Fornecedores com poder

Com o controle de emissão de gases estufa ficando cada vez mais severo, as montadoras perderão parte do poder para os fornecedores, tendo que buscar empresas que forneçam os equipamentos altamente tecnológicos que ofereçam economia de combustível.

Isso abrirá espaço para os fornecedoras proporem parcerias para padronizar e fornecer.

Qual é a inovação que parece mais interessante para você? Deixe nos comentários a sua opinião.

Deixe seu comentário aqui
Gostou? Compartilhe com os seus amigos!Share on Facebook
Facebook
Share on Google+
Google+
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin